Você, certamente, já ouviu falar do termo omnichannel, não é? Pois saiba que se trata de uma das grandes tendências do varejo, capaz de alavancar qualquer loja virtual.

Na prática, o conceito de “omnichannel” é uma evolução do conceito de “multicanal” e se baseia na integração total dos canais nos quais a empresa está presente, de tal modo que o consumidor não perceba diferença entre o online e o offline na hora de fazer compras. O objetivo dessa convergência é proporcionar uma experiência de compra cada vez melhor e, consequentemente, fazer com que essas melhorias se reflitam em mais vendas. 

Neste post, vamos dar cinco dicas especiais para aplicar o omnichannel em seu negócio para ter resultados mais efetivos!

Use o mobile também para prestar informações

Em pleno 2018, todos já sabem da importância de se ter um site responsivo ou mesmo um aplicativo do e-commerce. O grande erro de muitos varejistas, porém, é focar somente nas vendas e ignorar o potencial do mobile para prestar informações de forma rápida e facilitar o processo de tomada de decisão. 

Muitas vezes, os clientes utilizam o smartphone para pesquisar, tirar dúvidas, procurar o endereço da loja física ou seu horário de funcionamento, entre outras funções que não têm a ver propriamente com a venda em si, mas que podem ajudar a efetivar a conversão. 

O canal mobile pode ser poderosíssimo nos primeiros estágios da jornada de compra para promover a conscientização do potencial cliente. Dessa forma, é uma boa ideia priorizar essa etapa e facilitar a vida do visitante, deixando as informações importantes à mão. Foque em ser útil nesse momento, não apenas em vender.

Instale um totem de autoatendimento na loja

Uma dica interessante para manter o cliente engajado e favorecer a conversão é investir em um totem de autoatendimento na loja física.

Assim, se o consumidor não encontrar o produto que queria, ele pode acessar o site da empresa por meio do totem e fazer a compra por lá mesmo. Isso evita que ele vá buscar o produto no concorrente e, de quebra, diminui os custos de atendimento. 

Permita a compra no site com retirada em loja

Essa dica pode parecer óbvia demais, mas vale lembrar a importância de integrar a loja física à loja virtual. Permita que o cliente faça a compra pelo e-commerce e retire o produto na loja. Assim, ele ganha tempo, economiza frete, e sua empresa, em contrapartida, ganha pontos com ele.

De quebra, essa estratégia pode impulsionar novas compras no espaço físico! Para estimular a conversão, é possível pensar em outras estratégias, como posicionar o ponto de retirada da mercadoria adquirida online no fundo da loja, “forçando” o cliente a passear pelos setores antes de buscar sua encomenda, ou mesmo sugerir outros produtos ou novidades.

Ofereça meios de pagamento “invisíveis”

Existe um projeto piloto da Amazon, chamado Amazon GO, que permite que o cliente entre e saia da loja com seu smartphone, escolha seus produtos, passe no autoatendimento e faça todas as transações da compra sozinho e de maneira automática. O pagamento é feito via Apple Pay, sem complicações e burocracias.

Outro serviço que faz algo parecido são os aplicativos de táxi ou de corrida particular que, dentre outras formas de pagamento, também trabalham com uma cobrança automática. Com eles, há a possibilidade de o passageiro solicitar o veículo, descer no destino programado e ter a tarifa cobrada automaticamente no cartão de crédito cadastrado.

Ambos são exemplos do que se chama de “pagamento invisível”, já que não precisa sequer tirar a carteira do bolso. Se essa tendência se perpetuar, o que é muito provável, será mais uma das enormes facilidades de se integrar os canais de vendas da empresa. 

Ofereça as mesmas condições e benefícios

Seja em lojas virtuais ou físicas, as condições dadas aos seus clientes precisam ser as mesmas. Portanto, se você vai oferecer parcelamento sem juros, conceder desconto para pagamento à vista ou aceitar várias bandeiras de cartão de crédito, esses benefícios precisam ser válidos para todos os canais nos quais a empresa esteja presente. 

Viu só como é vantajoso aplicar o omnichannel em seu empreendimento? Além de ajudar a reduzir custos operacionais e otimizar os resultados, os seus clientes também têm a ganhar, pois a empresa se vê na “obrigação” de fornecer cada vez mais melhorias nesse sistema.

Portanto, rumo à integração!